quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

As profecias apocalípticas de Nostradamus e São Malaquias que apontam Francisco como o “papa do fim do mundo”


Desde que o argentino Jorge Mario Bergoglio assumiu o posto de novo papa, são várias as vertentes que começaram a identificar o primeiro pontífice supremo latino-americano e da ordem jesuíta como “o papa do fim do mundo”.
Vale destacar, lembrando as profecias de Nostradamus, que o líder jesuíta é referido como o “papa negro”. A respeito disso, o profeta disse que um “rei negro”, no trono do Vaticano, seria o último antes de o mundo sucumbir ao Apocalipse: “A princípio, haverá doenças letais como advertência. Depois surgirão pragas, morrerão muitos animais, catástrofes acontecerão, mudanças climáticas e, finalmente, começarão as guerras e invasões do rei negro”. Dessa forma, a profecia de São Malaquias afirma que o último papa antes “do final dos tempos” será o número 112 desde Celestino II, no século XII, sob cujo mandato “a cidade das sete colinas será destruída”. Nos manuscritos de Malaquias, a cidade das sete colinas é Roma, por isso muitos associam a posse de Francisco ao fim da igreja católica, e, outros, ao fim da humanidade. Além disso, o atual papa é o número 112 desde a época anunciada pelo profeta.
Os mais supersticiosos interpretam como um símbolo inequívoco o fato de, na última hora do dia da primeira votação do conclave, a luz da cúpula da Basílica de São Pedro, no Vaticano, ter sido cortada repentinamente. E como se isso fosse pouco, um raio atingiu a cúpula da mesma basílica apenas um dia depois de Bento XVI ter renunciado.

Robinson: “Um dos momentos mais importantes da minha vida”


O governador eleito, Robinson Faria (PSD), recebeu seu diploma das mãos da esposa, Juliane Faria. Também acompanharam a cerimônia de diplomação os filhos de Robinson, dentre eles o deputado federal reeleito Fábio Faria. “Um dos momentos mais importantes da minha vida”, disse o governador.

MPF firma TAC com empresas sobre passeios aos Parrachos de Pirangi

Objetivo é reforçar a proteção ao meio ambiente e estabelecer regras para o desenvolvimento do turismo sustentável na região. Idema, Capitania dos Portos, SPU e ONG Oceânica também assinaram termo

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF) assinou um termo de ajustamento de conduta (TAC) com as quatro empresas que operam os passeios aos parrachos de Pirangi. O acordo firmado também pelo Idema, Secretaria do Patrimônio da União (SPU), Capitania dos Portos e ONG Oceânica aperfeiçoa medidas já previstas em um TAC assinado em fevereiro de 2010 e ainda estipula novas regras, com objetivo de reduzir os danos ambientais e aumentar a segurança dos visitantes.

Os detalhes finais do TAC foram definidos em uma reunião na manhã desta quinta-feira (18), presidida pelo procurador da República Victor Mariz, e que contou com a participação dos representantes da Capitania dos Portos, capitão de Fragata Alexander Neves de Assumpção; da ONG Oceânica, o gestor de recursos Guido Grimaldi; da superintendente estadual da Secretaria do Patrimônio da União, Yeda Cunha; e do diretor geral do Idema, Manoel Jamir Júnior.

Pelas empresas participaram os representantes da Canguru Passeios Náuticos, Francisco Kleber Ferreira; do Marina Badauê, Gastão Grossmann Cabral; da Terra Molhada Turismo e Aventura, Paloma Pereira; da Ponira Náutica, Maurício Ferreira; e ainda da Marina Litoral Sul, representada por Adriana da Silva.

Normas - O número de embarcações que podem realizar o passeio turístico aos parrachos foi limitado a oito e somente poderão operar o serviço as empresas que já atuavam de forma contínua em fevereiro de 2010 (Canguru, Marina Badauê, Ponira e Terra Molhada).

O número máximo de visitantes levados pelas empresas, por dia, é de 616 e as viagens não poderão ser realizadas após o pôr-do-sol. Uma área de 50 metros ao redor do “Trapiche do Marina Badauê” foi definido como ponto obrigatório para a saída e retorno dos barcos.

As empresas deverão destinar até 10% das vagas, por viagem, gratuitamente, para alunos e professores dentro de programas educacionais das redes públicas de ensino, a serem utilizadas com agendamento prévio, dentro do período letivo.

Plano - O novo documento também prevê a efetivação do Plano de Gestão da área, até que seja criada uma unidade de conservação no local. Um diagnóstico ambiental produzido pela ONG Oceânica já havia apontado a degradação da área dos Parrachos de Pirangi, em decorrência da exploração indevida.

Dentre as regras do TAC, está incluída a obrigação das empresas em destinar recursos para contratação de dois monitores ambientais, por meio de uma ONG. ou entidade a ser convidada pelos compromitentes. Os dois monitores contribuirão na fiscalização, assim como na divulgação e orientação aos visitantes.

Há, ainda, a obrigação de manutenção periódica e adequada das embarcações, para evitar vazamento de óleo; a proibição de fundear em qualquer ponto dos recifes, independente do tipo de âncora; a proibição de despejar lixo no mar, ou mesmo alimentar os peixes; além de outra série de cuidados com a fauna e flora.

Até 30 de novembro de 2015, as empresas deverão instalar e utilizar permanentemente protetores de hélice em suas embarcações. No momento da viagem, e na chegada das embarcações aos parrachos, as empresas deverão repassar aos visitantes um informe com regras quanto ao lazer no local.

Os barcos devem adotar ainda trajeto único de forma a reduzir os riscos de colisão entre eles e também com banhistas e a fauna marinha. Na área de praia, na entrada do rio Pirangi e nas proximidades dos parrachos deverá ser observada a velocidade máxima de 6 km/h.

Características - Os Parrachos de Pirangi são formações recifais sobre as quais se formam piscinas naturais, durante a maré baixa. A área fica entre os municípios de Parnamirim e Nísia Floresta e é especialmente protegida pelos órgãos de meio ambiente, devido à grande biodiversidade, com numerosas espécies de peixes, algas e invertebrados.

A multa por descumprimento do TAC é de R$ 20 mil para qualquer uma das obrigações fixadas no termo, acumulada com R$ 1 mil por cada dia de atraso na execução das obrigações descumpridas. O ajustamento de conduta terá validade até a aprovação do Plano de Gestão da futura Unidade de Conservação a ser criada nos parrachos de Pirangi.

Confira a íntegra do TAC.

OI VELOX A BANDA QUE LARGA VOCÊ


Desde de segunda feira a minha internet que é a Oi velox saiu do ar aqui em casa e não voltou mais, liguei para 10331 e la me informaram que era uma divergência de cadastro e todo dia eles falam que no outro dia normaliza. Se não fosse a internet de Sandro Carlos que assinante da NetJat ficaria difícil atualizar o blog.

PREFEITO ANTÔNIO PEIXOTO ANUNCIA PARA ESTA SEXTA-FEIRA 19/12 PAGAMENTO DA SEGUNDA PARCELA DO 13º SALÁRIO AO FUNCIONALISMO MUNICIPAL


A Prefeitura de Ceará-Mirim, através do Prefeito Antônio Peixoto, anuncia o pagamento da segunda parcela do 13º salário aos servidores públicos do município.
Os funcionários terão o provento depositado em suas respectivas contas bancárias nesta sexta-feira 19 de dezembro.
A Prefeitura já havia antecipado a primeira parcela do benefício natalino ao funcionalismo no dia 20 do último mês de junho, como forma de proporcionar maior tranquilidade em tempo hábil para que os servidores pudessem se planejar melhor para o final do ano.
A Secretaria Municipal de Finanças lembra que os servidores recebem esta segunda parcela com descontos de impostos e INSS, uma vez que a primeira foi paga o equivalente a 50% integral.
De acordo com o prefeito Antônio Peixoto, a pontualidade e a antecipação no pagamento do 13º aos servidores, uma marca em sua gestão, permite também que a renda circule dentro do comércio local, fomentando a economia do município.
É importante ressaltar, que apesar das dificuldades financeiras que afligem os municípios brasileiros, o prefeito Antônio Peixoto esteve sempre preocupado com o pagamento não apenas de seu funcionalismo, mas também de seus fornecedores.
"Desde o início da nossa gestão temos optado por antecipar o 13º salário dos funcionários, até como uma maneira de oferecer para a categoria a oportunidade de se programar com antecedência para as compras e festividades de final de ano, isso é um dever e o compromisso da gestão com os nossos funcionários", frisa o prefeito Antônio Peixoto.

PARTICIPE DA NOVA ENQUETE DO BLOG DO XERETA

QUAL O VEREADOR DE CEARA-MIRIM APRESENTOU MELHOR DESEMPENHO EM 2014?

2016 A VISTA: Ceara-Mirim ja tem alguns nomes a pre candidato para prefeito


Passado o período das eleições de 2014 já começam as conversas sobre o pleito de 2016, que vai eleger o prefeito e vereadores do Ceara-Mirim.
Está é uma eleição muito concorrida e já se fala em alguns nomes como pré candidatos.
Ontem conversando no Face com uma pessoa muito ligada ao vereador Irmão Heriberto, soube que o mesmo se diz pré candidato a prefeito de Ceara-Mirim, além dele temos o nome do presidente da Câmara de Vereadores Renato Martins concorrendo a sucessão do atual prefeito Peixoto, o ex vereador Julio Cesar com o total apoio do governador eleito Robson Faria se achando franco favorito.
Ainda temos o grupo Melo com condições de lançar candidato, já que seu candidato foi o segundo mais votado na eleição de prefeito com Ednolia Melo. E para fechar a lista vem Marcílio Dantas que teve uma votação expressiva de quase seis mil votos. E ainda se fala em Marcone Barreto que seria uma  boa opção para o Ceara-Mirim.
Deixo uma pergunta para você: Será que vai acontecer o mesmo resultado de 2012?

Em quanto os trabalhadores vão ter um salario de 790 em 2015 ministros deputados e a presidente terão um super aumento


A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira o aumento salarial para ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), para o Procurador-Geral da República e para deputados e senadores. Caso o texto receba o aval do Senado Federal, eles passarão a ganhar R$ 33.763 por mês.
Os deputados também deram aval aos novos vencimentos da presidente Dilma Rousseff, do vice-presidente Michel Temer e de ministros de Estado, que a partir de 2015 receberão R$ 30.934,7 mensais, ou 15,76% a mais do que o valor atual (R$ 26.723,13). A matéria também precisa passar pelo Senado. O último reajuste para o comando do Executivo foi dado no final de 2010.
Os deputados e senadores recebiam mensalmente, também desde 2011 os mesmos R$ 26.723,13. Eles decidiram, no entanto, equiparar seus salários aos da cúpula do Judiciário e do Ministério Público Federal, cujos subsídios, que são o teto do funcionalismo público, estão hoje em R$ 29.462,25. O pleito dos ministros do Supremo, no entanto, era por uma atualização maior, de R$ 35.919,05.

Em despedida do Congresso após 44 anos, Henrique Alves chora


Em sua sessão de despedida depois de 44 anos na Câmara dos Deputados, o presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), chegou às lágrimas na noite desta quarta-feira (17) ao ser homenageado por colegas.

Nas eleições de outubro, o peemedebista deixou de disputar a reeleição para o Congresso e tentou se eleger para o governo do Rio Grande do Norte, mas acabou derrotado. Agora, ele é cotado para assumir um ministério no segundo mandato da presidente Dilma Rousseff na cota do PMDB da Câmara.

A homenagem ocorreu após quase nove horas de sessão, sendo prestigiado por parlamentares governistas e oposicionistas.

Obama anuncia a normalização das relações dos EUA com Cuba


O presidente Barack Obama disse ontem que os Estados Unidos irão encerrar o que ele chamou de uma abordagem ultrapassada em relação a Cuba, com o início da normalização das relações e dos laços diplomáticos entre os dois países, depois de cinco décadas de restrições.
“Esses 50 anos mostraram que o isolamento não funcionou”, disse Obama, da Casa Branca, em comentários transmitidos pela TV. “É hora de uma nova abordagem”. Depois de meses de comunicações entre o alto escalão dos dois países, os EUA planejam suspender muitas das restrições aplicadas em viagens e transferências de dinheiro para Cuba.


Mais dinheiro para as prefeitura


As prefeituras do Rio Grande do Norte ficarão com as contas gordas na próxima sexta-feira (19) com o segundo repasse do Fundo de participação dos Municípios (FPM) dezembro. De acordo com informações da Confederação Nacional de Municípios (CNM), considerando o porcentual destinado ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (Fundeb), o montante será de R$ 1.508.397.926,46. Sem essa retenção, em valores brutos, o montante chega a R$ 1.885.497.408,08.

TRT-RN: Vara de Assu movimentou mais de R$ 7 milhões

Entre 2012 e 2013, e até o mês de maio de 2014, a vara do trabalho de Assu movimentou R$ 7.123.794,55.

O valor foi verificado durante correição ordinária anual realizada pelo presidente e corregedor do Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte, desembargador José Rêgo Júnior, no mês de junho deste ano.

No período, a vara pagou R$ 5.639.955,20 aos reclamantes entre R$ 4.879.621,00 de acordos e R$ 760.334,20 de execuções.

Para a previdência Social, a vara do trabalho de Assu arrecadou R$ 1.313.372,40 e recolheu R$ 11.594,18 para a Receita Federal, além de R$ 158.609,92 de custas processuais e R$ 262,85 de emolumentos.

Segundo dados do sistema E-Gestão, havia, em dezembro de 2012, 4.668 processos tramitando na vara de Assu, sendo 835 na fase de conhecimento, 41 na fase de liquidação, 2.126 na fase de execução e mais 41 cartas precatórias e de ordem pendentes de devolução.

No final de 2013, a quantidade de processos em tramitação caiu para 4.119, sendo 746 na fase de conhecimento, 19 na fase de liquidação, 1.335 na fase de execução, e 23 cartas precatórias e de ordem pendentes de devolução.

Já no mês de maio de 2014, tramitavam na vara de Assu, 2.144 processos, sendo 779 processos na fase de conhecimento, 19 processos na fase de liquidação, 1.314 na fase de execução, e 32 cartas precatórias e de ordem pendentes de devolução.

Comparando-se esses dados, constata-se que, de dezembro de 2012 para dezembro de 2013, houve redução de processos em tramitação na vara na ordem de 30,23%.

Durante a correição, foram considerados como aspectos positivos vara de Assu o considerável decréscimo de processos em tramitação na vara e o pequeno número de tarefas em atraso. Além disso, a equipe da Secretaria da Corregedoria considerou positiva a utilização de ferramentas eletrônicas e a adequada utilização do PJe.

Com relação às metas do CNJ para 2013, a vara de Assu não cumpriu a Meta Geral nº 1, que era a de “julgar mais processos de conhecimento do que os distribuídos em 2013”.

Já a Meta da Justiça do Trabalho nº 17 foi cumprida, que era a de “aumentar em 15% o quantitativo de execuções encerradas em relação a 2011”, assim como, cumpriu a Meta Geral nº 2, pois julgou até 31/12/2013, pelo menos, 80% dos processos distribuídos em 2009, na Justiça do Trabalho.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Governo dá calote de R$ 2 bilhões em construtoras do Minha casa, minha vida


Uma das principais vitrines do governo da presidente Dilma Rousseff, o Minha Casa, Minha Vida (MCMV) está tirando o sono dos donos de construtoras Brasil adentro. Desde novembro, os repasses do Tesouro para o pagamento das empresas que realizam obras em empreendimentos do programa foram interrompidos, deixando-as sem dinheiro em caixa para cumprir as obrigações.
Fontes do setor contam que o mal-estar é enorme diante da dificuldade do governo para colocar as contas públicas em dia. Para não enfrentar complicações judiciais, Dilma conseguiu que o Congresso aprovasse o Projeto de Lei nº 36, que alterou a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2014 e praticamente abandonou a meta fiscal deste ano.
As estimativas sobre o valor dos atrasados giram entre R$ 1,5 bilhão a R$ 2 bilhões. Sem receber, as construtoras estão sem dinheiro para pagar o 13º salário dos funcionários e cogitam demitir. Os recursos correspondem aos subsídios concedidos aos compradores de imóveis beneficiados pelo programa. Os valores devem ser repassados aos bancos públicos que financiam os empreendimentos e, posteriormente, às construtoras. De acordo com as fontes, o secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, teria prometido quitar os débitos até ontem, mas isso não ocorreu.
“O clima é de preocupação. Todas as empresas que possuem contrato com o MCMV e tiveram os pagamentos programados a partir de 14 de novembro sofrem com atrasos”, disse o presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins. Ele estima que mais de 100 construtoras em todo o Brasil estejam nessa condição. “Procuramos o Tesouro Nacional para saber do problema e não tivemos retorno”, afirmou.

“Estamos juntando cada trocadinho para pagar 13°”, diz Rosalba


“Estamos lutando e juntando cada trocadinho para pagar o 13º”. A afirmação é da governadora Rosalba Ciarlini, que, além de não afirmar com clareza que o 13º salário dos servidores será pago, alegou a dificuldade que o Executivo terá para pagar os 80% restantes do benefício. O Governo parcelou o 13º no meio do ano e informou através de nota no final do mês passado que o restante seria depositado na próxima sexta-feira, dia 19 de dezembro.
Rosalba conversou com o Novo Jornal durante a solenidade de encerramento do ano letivo de 2014, na Escola de Governo, no Centro Administrativo. Na entrevista, a governadora falou sobre três pontos mais importantes. Além da dificuldade para arcar com as despesas do 13º, a chefe do Executivo Estadual também alegou a incapacidade orçamentária para pagar a folha de dezembro. Rosalba Ciarlini avaliou ainda de forma positiva o seu mandato e disse que considera como maior obra não feita nesses quatro anos o Hospital de Trauma do Estado.

Tempo de agradecer e renovar esperanças


Neste ano de 2015, compartilhamos muitos dos nossos sonhos e realizamos o que havia de melhor em nós.

Chegou a hora de agradecer e renovar nossa esperança em dias melhores nesse novo ano que está chegando.

Um forte abraço com nossos votos de Feliz Natal e um Excelente Ano Novo.



Ciro Pedroza e equipe