OFERTAS

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

SOCIÓLOGO MAURICIO MURAD LANÇA SEGUNDA EDIÇÃO DO LIVRO A VIOLÊNCIA NO FUTEBOL


Diante dos novos acontecimentos violentos que atingem principalmente torcedores, especialista traz números atualizados e enriquece a obra lançada originalmente em 2012

Os números são assustadores e não deixam dúvida: o Brasil ocupa uma das primeiras posições no ranking de torcedores mortos em confrontos antes ou após partidas de futebol, ficando inclusive na frente de países como Argentina e Itália. Por conta dessa realidade, muitos torcedores deixaram de frequentar os jogos com a família. Como tentar resolver essa situação? Como a violência nos estádios está relacionada com a violência no país?

Para o sociólogo Mauricio Murad, um dos maiores especialistas no tema violência e futebol, o aumento do número de mortes de torcedores antes, durante e depois das partidas de futebol está diretamente ligado ao envolvimento de grupos integrantes das torcidas com o crime organizado, ao acesso a drogas e armas, à internet e à tecnologia em geral. Jovens sem perspectiva se unem a tribos que supostamente lhes dão identidade, valor e um sentido que a sociedade parece negar a eles. Enquanto as instituições sociais de modo geral excluem a maioria dos jovens, o futebol e suas torcidas (não as suas instituições) incluem.

No livro A violência no futebol (Benvirá, R$ 34,90), Murad apresenta um panorama atualizado do futebol no Brasil e do comportamento das torcidas – organizadas ou não. Tomando como exemplo casos de sucesso em outros países, aponta caminhos que podem ajudar a pacificar o esporte e a própria sociedade, a partir do trinômio repressão-prevenção-educação.

SOBRE O AUTOR

Mauricio Murad é sociólogo formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e professor e pesquisador aposentado da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), onde criou, em maio de 1990, e coordenou por anos o Núcleo Permanente de Estudos de Sociologia do Futebol, iniciativa pioneira em nosso sistema universitário. Pioneiras também nas universidades brasileiras foram a criação, na mesma época, da disciplina eletiva Sociologia do Futebol e da revista acadêmica Pesquisa de Campo, da qual foi editor. Atualmente, é pesquisador e professor titular do programa de mestrado da Universidade Salgado de Oliveira (Universo), em Niterói, Rio de Janeiro. Escreve artigos científicos, ensaios e livros de pesquisa e teoria com ênfase em violência no futebol, publicados no Brasil e no exterior. É autor de Sociologia e Educação Física, obra de referência sobre o assunto no Brasil, além de já ter escrito romances e contos. Seu romance infantojuvenil Todo esse lance que rola – Uma história de namoro e futebol foi premiado pelo MEC e adotado em várias escolas do país, além de ter sido adaptado para o teatro.

SOBRE A BENVIRÁ

Benvirá é o selo de ficção e não ficção da Somos Educação, uma das maiores empresas editoriais do Brasil. Criado em 2010 com o objetivo de contribuir com conteúdo de alta qualidade para a educação, a cultura e o entretenimento, tem em seu catálogo romances adultos e infantojuvenis, biografias e memórias, livros práticos nas áreas de saúde e bem-estar, livros de negócios e carreira, entre outros.

Nenhum comentário: