OFERTAS

quinta-feira, 23 de março de 2017

Planejamento urbano evita enchentes no período chuvoso

Estruturas dos bairros planejados da Alphaville Urbanismo evitam problemas de alagamentos e ainda contribuem com meio ambiente

Chega o período das águas de março e muitas cidades brasileiras, principalmente as de regiões metropolitanas, sofrem com alagamentos e enchentes, retrato da ausência de infraestrutura urbana para a adequada coleta e direcionamento da água da chuva. A situação poderia ser diferente com um sistema de drenagem eficiente, como os presentes nos empreendimentos da Alphaville Urbanismo.

De acordo com o gerente de projetos urbanísticos da Alphaville Urbanismo, Hugo Serra, o sistema de drenagem dos residenciais e núcleos urbanos é planejado desde os primeiros esboços do projeto, visando evitar a ocorrência de alagamentos. “A forte chuva pode acarretar diversos danos para as áreas atingidas que vão além de um simples alagamento, como erosões em áreas desprotegidas e terrenos íngremes, assoreamento de corpos hídricos e problemas estruturais nos pavimentos. O nosso projeto procura evitar todos esses riscos”, explica Serra.

O projeto para evitar alagamento atua em duas frentes: o primeiro é o próprio desenho e a previsão dos desníveis do solo, que escoam a água para a tubulação, e o segundo é a qualidade dos materiais empregados na construção, feitos para resistir à chuvas constantes e variações de clima.

“Para controlar a velocidade com que a água da chuva, captada pelo sistema de drenagem do empreendimento, chega aos rios e córregos da bacia hidrográfica da região, são executados dissipadores de energia, evitando erosões e minimizando os impactos ambientais na Área de Preservação Permanente. Em alguns casos são construídas bacias de amortecimento com capacidade para volumes menores, proporcionais à área do residencial, que controlam as vazões de lançamento”, completa o gerente.

Em todos os residenciais, desde lugares mais chuvosos como Manaus até os mais secos, caso de Brasília, há um criterioso dimensionamento do projeto do sistema de drenagem respeitando as normas técnicas e diretrizes municipais. Além disso, todos os projetos da Alphaville Urbanismo apresentam altas taxas de permeabilidade, o que é muito importante para reabastecimento dos lençóis freáticos e corpos hídricos da região. Desde o primeiro esboço do projeto, são destinadas áreas para reflorestamento e preservação como as cabeceiras de nascente e beira de córregos, que preveem também bordas de áreas verdes e praças que aliam programas de lazer e preservação ambiental.

Além disso, as casas dos clientes também desempenham um papel importante no projeto. “Para complementar o sistema, cada morador precisa manter de 20% a 30% do seu lote como área permeável”, disse Serra. “Cada uma destas ações é muito importante para a manutenção e preservação da água no meio ambiente. Desde o macro ao micro, a Alphaville Urbanismo toma ações responsáveis que visam o equilíbrio entre ambiente construído e ambiente natural no curto, médio e longo prazo”, concluiu.

Sobre a Alphaville Urbanismo

Com mais de 40 anos de atuação, a Alphaville Urbanismo leva a todo o Brasil uma proposta exclusiva de planejamento urbano, por meio do desenvolvimento de empreendimentos horizontais que conciliam preservação ambiental, infraestrutura altamente qualificada e o comprometimento com a sociedade. A Alphaville Urbanismo possui 110 empreendimentos já lançados em 22 estados do Brasil e Distrito Federal, que representam mais de 76 milhões de metros quadrados urbanizados.

Nenhum comentário: