OFERTAS

quinta-feira, 9 de março de 2017

Vereador Irmão Carlos volta a fazer criticas ao governo de Marconi Barreto


VEREADOR IRMÃO CARLOS-SD VOLTA A FAZER DURAS CRÍTICAS AO GOVERNO DO PREFEITO MARCONI BARRETO PELO DESCASO COM A AGRICULTURA DO BAIXO VALE

Não bastasse os problemas que vem enfrentando na Justiça Eleitoral, ameaças de greve na educação e na saúde, o prefeito de Ceará-Mirim, Marconi Barreto-PSDB ainda enfrenta duras críticas da oposição no Plenário da Câmara Municipal.

O vereador Irmão Carlos-SD voltou a usar a tribuna da Casa, nesta terça-feira 07/03 para denunciar o descaso administrativo vivido pela população do baixo vale, principalmente na área da agricultura.

Em sua fala, o parlamentar lembrou que o então candidato a prefeito, Marconi Barreto, propagava aos quatro cantos que a área do baixo vale seria a redenção de Ceará-Mirim, pelo potencial representativo do vale fértil, a criação de cinco mil novos empregos, gerando uma produção agrícola quantitativa tipo exportação.

Mas de acordo com o parlamentar, o que foi feito lá pelo então candidato Marconi Barreto foi um trabalho eleitoreiro que não foi concluído e numa primeira chuva os agricultores perderam feijão, macaxeira, mandioca, batata, entre outros produtos.

“E agora? Por que o secretário de agricultura não foi lá pra ver a lama e o prejuízo?”, disse.
O vereador Irmão Carlos ainda denuncia que o prefeito é imprevisível, não abre um canal de diálogo, a palavra é a dele, além de se mostrar petulante e intransigente.

O vereador lamenta a não conclusão do trabalho iniciado no baixo vale, bem como a promessa de cinco mil empregos aos agricultores que até agora só contabilizaram prejuízos, como a perda de lavouras.

“Se realmente chegasse esses cinco mil empregos na região, certamente aplaudiria aqui. Mas eu não confio nesse governo, um governo que vende ilusões, e que portanto em alguns aspectos eu discordo totalmente. Vou continuar defendendo o povo que conferiu o meu mandato”, concluiu o vereador Irmão Carlos.

Câmara Municipal de Ceará-Mirim
Assessoria de Comunicação Social
Jorge Moreira

Nenhum comentário: