OFERTAS

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Globo comenta possibilidade de ela mesma “assumir” o Carnaval 2018 após corte de prefeito


Como foi amplamente noticiado, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella tomou a decisão de cortar em 50% o subsídio do governo municipal às escolas de samba em 2018. Isso representa um corte em torno de R$ 14 milhões na festa do próximo ano.

Agora, já se cogita a possibilidade de a Globo assumir o evento, já que tem exclusividade de transmissão e é a maior interessada comercialmente no evento. Procurada pela coluna do jornalista Ricardo Feltrin para comentar sobre o assunto, a assessoria do canal diz que a “Liesa e prefeitura encontrarão o caminho” para a realização do evento.

Crivella anunciou que cortaria pela metade –para R$ 1 milhão por escola afiliada à Liesa – Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro. Em resposta, as escolas ameaçam não desfilar no próximo ano, o que poderia causar um enorme prejuízo ao Rio de Janeiro e também à Globo.

“Acho que vou criar o bloco ‘é conversando que a gente se entende’”, afirmou Crivella, que agora passou a usar um tom mais conciliador. “Estamos enfrentando uma crise e as crianças e as creches são prioridades. Temos de reavaliar e corrigir os custos do ano passado”, disse. Segundo estimativas, o carnaval do Rio movimenta cerca de R$ 3 bilhões por ano, segundo pesquisa da RioTur.

Sobre produzir o evento, o canal é enfático. “A Globo investe para fazer a melhor transmissão e cobertura do Carnaval do Rio de Janeiro, e não produz o evento. Estamos confiantes de que a LIESA e a Prefeitura encontrarão o caminho para a realização do maior evento cultural a céu aberto do mundo”, informa o canal.

Nenhum comentário: