OFERTAS

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

TRT-RN arrecada mais de R$ 13 milhões e é o primeiro entre os tribunais de pequeno porte


Os resultados, ainda parciais da Semana Nacional de Execução Trabalhista no Rio Grande do Norte, mostram que foram arrecadados mais de R$ 13 milhões, que serão pagos aos trabalhadores em centenas de ações trabalhistas.

Foram quase R$ 4 milhões obtidos no leilão judicial e mais de R$ 9 milhões em processos conciliados nas Varas do Trabalho da capital e do interior do Estado.

Ao todo, foram realizadas 777 audiências de conciliação, nas varas e nos Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) de Natal e de Mossoró.

A semana foi encerrada nesta sexta-feira (22) pelo  ministro do Tribunal Superior do Trabalho Cláudio Mascarenhas Brandão, que coordena a Comissão Nacional de Efetividade da Execução Trabalhista.

O ministro mostrou-se animado com o desempenho da Semana no estado e destacou o fato do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN) ser o primeiro em arrecadação entre os tribunas regionais de pequeno porte.

Brandão lembrou que a Semana da Execução beneficia "cidadãos que têm sua dignidade resgatada" por serem trabalhadores que, em grande parte, não acreditavam que o processo chegasse ao seu final.

"O mais importante de tudo isso é saber que pessoas, que são os credores dessa processo, serão satisfeito com seus créditos reconhecidos e agora quitado", comemorou o ministro.

A presidente do TRT-RN, Auxiliadora Rodrigues, mostrou-se "feliz com o resultado da Semana da Execução e destacou o trabalho e o empenho de todos os magistrados e servidores envolvidos nesse esforço coletivo".


 Só o Cejusc de Mossoró arrecadou quase R$  3 milhões com a adoção de medidas inovadoras para promover as pautas de conciliação, como a criação de um call center, para convocar advogados e representantes das empresas para viabilizar os acordos.

Nenhum comentário: