OFERTAS

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

TRT-RN: Cejusc-Natal concilia processos e coleciona histórias emocionantes


O Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) de Natal celebrou, nesses primeiros dias de outubro, mais de 50 acordos em processos da recém-criada 12ª Vara do Trabalho de Natal (RN), que tem como titular a juíza Lilian Matos Pessoa da Cunha Lima.

O juiz Michael Knabben, coordenador do Cejusc de Natal, destacou também o caráter humano do trabalho desenvolvido pelos conciliadores do centro.

Para Knabben, "se não bastasse a satisfação de se ver encerrada uma disputa entre as partes, quando ocorre o agradecimento delas pela construção do acordo aí é muito melhor".

Se por trás de cada acordo se esconde uma história de vida, uma delas foi a de Pedro Alves da Silva, que chegou até a surpreender o conciliador João Batista Pinheiro com um forte abraço após o acordo.

"Me senti como um cidadão", contou Pedro, depois da assinatura do acordo. "Fui recebido como um verdadeiro cidadão, um ser humano, como deveria ser recebido, não só aqui, mas em outros lugares. Só tenho a agradecer".

Diálogo - Nesse processo, a conciliação só ocorreu após duas audiências, "tempo necessário para que fossem quebradas as resistências e construído um consenso final entre as partes", explica o conciliador.

Emocionado, João revelou que é "muito gratificante quando você consegue resolver uma disputa que, às vezes, vem ocorrendo há muito tempo. Você se sente realizado".

Há algumas semanas, tio e sobrinho sentaram frente a frente para solucionar um conflito pessoal que se transformou em ação trabalhista.

Passado o tempo e esquecido até o motivo que gerou a discussão, os dois se conciliaram no Cejusc Natal, entre abraços e lágrimas de emoção, colocando um ponto final em mais um litígio pela via do diálogo.


TRT-RN - Divisão de Comunicação Social

Nenhum comentário: