quinta-feira, 12 de julho de 2018

PÉ FRIO: Se Mick Jagger um dia vestir a camisa do seu time, chore


Em um caso literal de vida imitando a arte, Mick Jagger foi assistir Inglaterrax Croácia, e a Inglaterra perdeu. O líder dos Rolling Stones estava no Luzhniki Stadium nesta quarta para ver a vitória dos croatas por 2 a 1, eliminando a Inglaterra na semifinal da Copa do Mundo da Rússia.

No ano passado, Jagger surpreendeu a todos e lançou duas músicas solo. Uma das músicas se chama “England Lost” (A Inglaterra Perdeu, em português). Essa música começa com a história de um homem que, ostensivamente, assistia aos jogos da Inglaterra e termina com comentários sobre a saída da Inglaterra da União Europeia.

“Eu fui ver a Inglaterra, mas a Inglaterra perdeu”, canta Jagger. “E todos disseram que fomos roubados”.

Mick Jagger chegou na Rússia para a Copa do Mundo após seus companheiros e ele terminarem um tour curto pela Europa no domingo. Ele estava na partida entre França e Bélgica em São Petersburgo e então foi para Moscou para ver sua seleção jogar – e perder – para a Croácia.

O astro do rock tem sido uma presença certa em grandes torneios de futebol nos últimos anos, mas não tem tido muita sorte ao prever os resultados das partidas. Ele esteve na final da Copa do Mundo do Brasil, há quatro anos, e também viu Estados Unidos x Gana, nas oitavas de final de 2010, na África do Sul.

Mas Jagger, que também é um fã de críquete, tem sido considerado um baita de um pé frio nas comunidades de futebol, principalmente em jogos de Copa do Mundo.

Durante um tour pela Europa em 2014, Jagger escreveu palavras encorajadoras antes da partida da Inglaterra contra o Uruguai, na fase de grupos da Copa do Mundo.

“Vamos, Inglaterra! Essa é a partida que temos de vencer!!, ele escreveu.

A Inglaterra perdeu. Não satisfeito, Jagger disse, em um show na cidade de Roma, que a Itália venceria o Uruguai na partida seguinte daquele mesmo grupo. A Itália perdeu. Poucos dias antes, em um show na cidade de Lisboa, ele havia dito que Portugal venceria a Copa do Mundo de 2014. Cristiano Ronaldo e companhia foram eliminados na primeira fase. Então, as semifinais chegaram. E foram justamente elas que consolidaram Mick Jagger como o maior pé frio do futebol mundial.

O homem que cantou “Hoo Doo Blues”, no álbum mais recente de sua banda, foi até Belo Horizonte para ver o Brasil encarar a Alemanha, na semifinal, acompanhado de seu filho Lucas, filho de brasileira. Todo mundo lembra o que aconteceu naquela semifinal contra a Alemanha, né?

Esses exemplos apenas reforçam a teoria que começou na África do Sul, em 2010. Um dia após Estados Unidos x Gana, ele foi ver Inglaterra x Alemanha. Não deu muito certo por lá também. Depois disso, ele quis assistir Brasil x Holanda, partida de quartas de final daquela Copa do Mundo. Seu filho Lucas estava com ele, vestindo uma camisa da seleção brasileira. É claro que o Brasil perdeu.

Talvez, essa sequência bizarra tenha sido o motivo para Jagger escrever a música “England Lost”, a qual foi lançada em julho do ano passado, um dia depois do seu aniversário de 74 anos. Quando lançou a música, Jagger disse em um comunicado oficial que a música era mais do que apenas um homem vendo seu time perder uma partida de futebol.

“Claro que tem humor aqui porque eu não gosto de nada muito óbvio”, disse Jagger. “Mas também tem um senso de vulnerabilidade da nossa posição atual como um país”.

Independentemente do motivo que o fez escrever “England Lost”, isso com certeza não ajudou a Inglaterra a vencer nesta quarta e chegar à final da Copa do Mundo após 52 anos.

Texto da Associated Press / Espn


Nenhum comentário: